Não quero esse país

É tempo de pensar, refletir e meditar, pois o Papai Noel e as homenagens ao Mestre Jesus, o Cristo nos enche de alegrias, motivações e tentamos nestas festas fazer alguma caridade agradecendo por tudo que obtivemos neste ano que está se findando. Mas, mesmo com os corações plenos de bondade, principalmente pelos brasileiros honestos, ainda há muito a fazer por este país. Pensando bem, não quero este país do jeito que se governou nos últimos 15 anos. Quantas desgraças: corrupção tomou conta e nos envergonha; há mais de 700.000 presos e ainda faltam milhares de vagas; a violência produziu mais de 60.000 assassinatos; há mais mortes através de acidentes automobilísticos no Brasil do que a quantidade que ocorre em toda a Europa reunida, mais Canada e Estados Unidos (no Brasil são mais de 65.000 acidentes com óbitos); o desemprego é alarmante, pois são milhões;  a cada instante os governantes aumentam os tributos; há leis e códigos ultrapassados; não se vislumbra governantes com características de Estadistas, preparação para governar com astúcia, dedicação e desprendimento, nem legisladores competentes (com raríssimas exceções). Os governantes e legisladores olham para os seus umbigos e não pensam na pátria, no povo e estão despreparados para produzir uma nação desenvolvida, plena de êxitos e que possa se tornar exemplo para os povos.  No Brasil não se pratica amor pátrio, mas sim materialismo puro e nada mais. Este não é o país que quero para mim, para os meus familiares e para os brasileiros que são honestos. Sugestão: todo o dia procure ser otimista em profundidade, mas não se pode deixar de fazer críticas, apontar erros e oferecer sugestões. Em minhas reflexões e meditações procuro visualizar uma nação próspera e peço ao Deus do meu coração, o Deus da minha compreensão que eleve os meus sentimentos, a fim de que as energias mentais que emito sejam enviadas aos governantes. Com isso, espero que a luz divina penetre em seus corações e os faça mudar de comportamento criminoso. Brasileiros desenvolvam uma profunda confiança em seus corações, pois este é o momento em que todos se abraçam, trocam presentes e dizem feliz natal. Qual é o país que você quer para os seus filhos e netos? Pense e todos os dias medite na paz por cinco minutos e envie pensamentos de amor para todos os brasileiros.

Olavo Câmara. Advogado, Professor, Mestre e Doutor em Direito e Política.