Começam testes para pagamento de passagem de ônibus com cartão de crédito

METODISTA

Começam testes para pagamento de passagem de ônibus com cartão de crédito

O Cartão Legal, responsável pelo sistema de cobrança dos ônibus de São Bernardo, iniciou na última quinta-feira (17) os testes de implementação do sistema de pagamento da passagem por cartão de crédito. A novidade funciona por meio de sistema de aproximação em um dispositivo instalado no ônibus, parecido com o utilizado no sistema Cartão Legal. Não há necessidade de digitar senha para realizar o pagamento, entretanto, o cartão precisa conter a tecnologia “Contactless” e estar liberado para ela. Essa função funciona por meio de um chip ou antena de radiofrequência integrada no cartão.

Por enquanto, apenas a bandeira Mastercard está sendo testada. A opção, ainda sem data para ser implantada, está prevista apenas para três linhas de ônibus com grande circulação: o 01, que realiza o trajeto Esperança/Taboão; 05, Jardim Laura/Paço Municipal; e 33, Jardim Pinheiro/Paço Municipal. A ideia é que o sistema de segurança seja o mesmo aplicado em transações financeiras dos equipamentos já existentes do varejo.

Aplicativo

Atualmente, quem tem o Cartão Legal pode recarregar o crédito pelo smartphone pelo aplicativo Recarga Agora. Esse serviço aceita duas bandeiras, Visa e Mastercard, apenas na opção crédito. A recarga permitida vai de R$ 8,40 até R$ 152. É cobrada uma taxa de serviço de R$ 1,50 por recarga, independentemente do valor carregado. A passagem de ônibus em São Bernardo custa R$ 4,20 desde fevereiro deste ano.

*Esta matéria foi produzida por estagiários da Redação Multimídia da Universidade Metodista de São Paulo.

Texto: Mariana Cunha

Fonte: Metodista