Chega a 7,6 mil as ocorrências de roubos e furtos de celulares em São Bernardo

METODISTA

Chega a 7,6 mil as ocorrências de roubos e furtos de celulares em São Bernardo

Em São Bernardo, assim como qualquer outra grande cidade que sofre com a criminalidade, andar na rua com o celular na mão requer atenção. Segundo levantamento da reportagem do RRO a partir de dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), no primeiro semestre de 2017 foram registradas 7.618 ocorrências de roubos e furtos de celulares na cidade.

O Centro foi o local que apresentou maior número de roubos e furtos de celulares no período, com 843 casos notificados; em seguida foi o Rudge, com 359; Taboão, com 344; Assunção, com 207; e Nova Petrópolis com 187 ocorrências.

O morador do Rudge, Fernando Tonol, 27, foi abordado por um assaltante com um revólver em mãos na rua Sacramento. “Eu disse que estava sem celular, mas ele viu o volume do aparelho no meu bolso e pediu. Tive que entregar”. Além do celular, foi levada sua carteira.

O estudante Tales Maggio, 19, passou por situação semelhante. Ele caminhava acompanhado de amigos pelo Rudge quando um homem se aproximou sobre uma moto e anunciou o assalto. “Não tem muita reação. Nós paramos e entregamos os celulares”. Ele conta que procurou a delegacia mais próxima e foi orientado para que fizesse o Boletim de Ocorrência (B.O) online, mas acabou não realizando.

Outro caso aconteceu com a estudante Lívia Simões, 18, desta vez em Nova Petrópolis. No caminho da escola para casa com o irmão, dois homens de bicicleta exigiram que entregassem os aparelhos. “Eu fiquei em choque, porque eles ficaram apressando a gente. Fiquei paralisada”, conta. Após o roubo, Lívia ligou para a operadora de celular pedindo o cancelamento dos números, enquanto sua mãe registrou Boletim de Ocorrência.

A orientação da SSP é que casos como esses devem ser notificados por meio do B.O. Virtual. O registro é importante porque é a partir desses dados que se contabilizam números por períodos, investigações podem ser realizadas e ações preventivas, implantadas.

Para realizar o B.O virtualmente, a Delegacia Eletrônica disponibiliza um formulário no site oficial (http://www.ssp.sp.gov.br/nbo/). Os casos de roubos que podem ser registrados no site são aqueles que não apresentam lesão corporal e danos à vítima.

Texto: Daniela Pegoraro e Iago Martins

Fonte: Metodista