Blogueiro viaja por lugares que buscam reconhecimento e narra sua aventura em livro

Obra narra jornadas ao redor do mundo.

Você já ouviu falar na Abecásia, na Transnístria ou na Somalilândia? Esses três lugares são territórios que buscam reconhecimento internacional. O blogueiro Guilherme Canever visitou esses e outros lugares que querem ser países, mas não são vistos assim por outras nações. Tudo isso foi narrado no livro “Viagem pelos países que não existem” em que, ao final de cada capítulo, o autor lista atrações na região, além de comidas e bebidas típicas.

No livro, apenas um país visitado tem reconhecimento de mais de 100 países da ONU, o Kosovo. 

“O ocidente acha que precisamos do reconhecimento deles, mas não precisamos, não estamos nem aí. Nossa vida não mudaria nada (…) os impérios americano e europeu estão em declínio, esta crise mundial só confirma isso (…) enquanto a Rússia só se fortalece”. relatou um cidadão da Abecásia, um dos territórios do Cáucaso visitados por Guilherme, refletindo bem a situação de alguns territórios traçados neste livro. Para muitas pessoas desses lugares, o mais importante não é o reconhecimento internacional em si, mas a paz, visto que passaram por muitas guerras.

O Chipre é um país com 9.251 km2. Por sua posição estratégica no meio do mediterraneo, teve influência de muitas culturas. Ainda assim, a ilha é dividida em duas: a parte grega é reconhecida como Chipre e ocupa o sul. Já o nordeste é ocupado pela Turquia e não tem reconhecimento internacional. Há ainda uma faixa de separação entre as duas gerida pela ONU, além de bases militares do Reino Unido espalhadas.

Situação similar acontece na Somalilândia, território na região do chifre africano. A Somália é reconhecida, mas a Somalilândia não. Apesar disso, há duas moedas circulando na Somália e não se pode entrar na Somalilândia via Somália.

A Palestina, tão falada nos noticiários, está presente no livro também. O autor reforça o desejo de paz entre árabes e israelenses. O livro tem um caráter humanista e mostra lados diversos de diferentes áreas do mundo.

Autor: Amir Bliacheris.

Fonte: PUC-RS.